Mindset Institute!

Como aprender inglês sozinho: Roteiro para começar

contact us

Conquistar a fluência em inglês é o objetivo de todos os que estudam o idioma. Escolher um curso de qualidade, com professores qualificados e ferramentas que auxiliem o processo fazem parte da jornada. Por outro lado, tudo o que estamos aprendendo começa a fazer sentido à medida que trazemos esse conteúdo para o nosso dia a dia. “Como aprender inglês sozinho?” pode ter sido uma das perguntas que vieram à sua mente.

 

Pensando nisso, queremos te ajudar a organizar uma rotina de estudos que seja produtiva e eficaz. Vamos explorar as áreas que compõem o aprendizado de inglês e como você poderá incluir diferentes atividades para atingir suas metas da melhor maneira possível.

 

Qual o primeiro passo para aprender inglês?

 

Por onde começar depois do momento em que se inicia um curso de idiomas? Antes de apresentar um possível roteiro para estudar inglês sozinho, precisamos organizar nossos horários de estudo e ter determinação para que tudo isso se torne um hábito. Assim como em qualquer atividade que estamos implementando na nossa rotina, ter disciplina pode ser a chave para destravar o nosso aprendizado.

 

O investimento em um curso de idiomas que tenha um material didático adequado e profissionais experientes para ensinar, certamente, nos ajuda a pensar sobre o que estudar em inglês. Outra vantagem consiste no suporte oferecido pela equipe no acompanhamento do progresso de cada aluno. Geralmente, o roteiro de estudos em inglês é feito de forma individualizada, com foco nas necessidades de cada um.

 

Com disciplina e a orientação devida, o próximo passo a ser dado é o de aproveitar todas as oportunidades que já estão presentes no dia a dia: músicas e vídeos disponíveis nas plataformas de streaming, séries e filmes, aplicativos de celular, etc. Quanto mais exposição ao idioma você tiver desde o começo, mas acostumado com os sons e estruturas você irá ficar. 

 

Isso deixa todo o processo mais tangível e agradável, com senso claro de progresso.

 

 

 Como aprender inglês sozinho: O que estudar em inglês?

 

Vamos te ajudar, a partir desse ponto, com o passo a passo para aprender inglês otimizando o seu tempo e utilizando recursos que vão melhorar seus conhecimentos. Confira:

 

Vocabulário

 

Nenhuma frase seria possível sem as palavras ou expressões que utilizamos para construir um sentido a ela. O vocabulário é parte importante do processo de aquisição da fluência e precisa fazer parte do seu plano de estudos em inglês.

 

Apesar de cada aluno aprender idiomas de uma maneira que tem a ver com processos cognitivos e/ou de personalidade, adotar algumas estratégias gerais pode auxiliar o aprendizado. Um deles consiste em fazer uma lista de palavras por categoria, seguida de uma possível tradução e a aplicação dessa palavra em uma frase. Saber o tipo de palavra que estamos lidando (substantivo, verbo, adjetivo, etc.) também impulsiona o raciocínio no momento de utilizá-la na fala ou escrita.

 

Agrupar as palavras em volta da mesma temática e fazer diferentes exercícios com esse mesmo vocabulário também ajuda no processo de memorização. Para quem já estuda inglês há algum tempo, é importante ficar atento aos sinônimos (palavras que têm o mesmo significado). Dessa forma, com prática, aos poucos você vai incorporando novas formas de falar sobre um mesmo assunto.

 

Gramática 

 

Conhecer a estrutura de uma língua é essencial para saber qual a melhor maneira de transmitir uma mensagem, principalmente, quando se está estudando como aprender inglês sozinho. É por isso que estudamos a gramática. 

 

A dica é começar pelos três tempos verbais (presente, passado e futuro). Construa uma frase no presente observando a ordem das palavras e possíveis mudanças que podem acontecer a depender da pessoa a quem aquela frase se refere.

 

Depois, reescreva essa frase com outras palavras atentando-se à mesma estrutura. Há alguma mudança no que diz respeito ao singular ou plural? Após esse processo, escreva essa frase no passado e estude as diferenças: será que a ordem das palavras permanece a mesma? Há alguma parte (principalmente verbos e auxiliares) que são escritos de forma diferente? Pratique essa técnica com diferentes exercícios dentro dos três tempos verbais. Escreva, antes de tudo, os principais usos e pense em situações nas quais tudo isso possa ser utilizado.

 

Para exemplificar: se você está falando sobre a sua rotina, muito provavelmente, você apontará para alguma ação e a hora em que isso ocorre. Com a lista de palavras (ações) que correspondem às atividades, você pode escrever frases que obedeçam a mesma estrutura: “I wake up at 7:00 A.M” (Eu acordo às sete da manhã). No passado, essa frase traz uma mudança na forma de como o verbo é escrito: “I woke up at 7:00” (Eu acordei às sete da manhã).

 

 

Listening

 

Uma das habilidades mais temidas pelos alunos diz respeito à compreensão auditiva. Para evitar frustrações, é importante selecionar o áudio/música/vídeo de forma a atender os seus interesses pessoais. Por exemplo, se você gosta de determinado ritmo/estilo musical, seria importante escolher artistas e músicas que estejam dentro desse estilo. Investigar um pouco do contexto daquela produção também ajuda a trazer à tona o conhecimento prévio a respeito do tópico a ser explorado.

 

Se você estiver iniciando o seu cronograma de estudos em inglês agora, seria necessário se atentar à duração do áudio. Escolha trechos de entrevistas ou diálogos que não ultrapassem os dois minutos. Escute a primeira vez para entender a ideia geral daquela situação. Repita o processo para identificar outras informações e, no fim, tente elaborar alguma frase que tenha o mesmo sentido daquilo que você ouviu.

 

Seguir essas dicas vai te ajudar a evoluir mais rápido no idioma. Quer saber mais? Conheça 5 formas de conquistar a fluência em inglês


Reading

 

Se você conta com o apoio de uma orientação pedagógica oferecida por um curso de idiomas qualificado, o acesso a livros e textos de acordo com o seu nível no idioma fica muito mais fácil. E esse é um ponto bem importante! Não procure leituras que estão fora do seu nível de inglês, isso porque as palavras e estruturas utilizadas podem atrapalhar a sua compreensão do texto. 

 

Se você estuda sozinho, as dicas são: selecionar um livro que lhe agrade (e que esteja no seu nível do idioma), levantar seus conhecimentos prévios a respeito do que será lido (se você já conhece a história, o autor, etc) e iniciar a leitura focando nas palavras já fazem parte do seu vocabulário. Quando encontrar uma palavra nova, tente decifrar seu significado com base no contexto (geralmente algumas frases que vieram antes e outras que estão depois). 

 

Comece com textos ou livros curtos e vá aumentando o número de páginas gradativamente.

 

No caso do curso de inglês do Instituto Mindset, os livros são disponibilizados em uma biblioteca virtual de acordo com o nível (do básico ao avançado) e no formato de audiobooks. Assim, você pode ler e ouvir os clássicos da literatura mundial ao mesmo tempo. Eles também oferecem exercícios extras para checar a compreensão do vocabulário e da história apresentada. É de extrema importância verificar se o que você leu foi compreendido corretamente. Nossa plataforma oferece, também, respostas para a conferência.

 

Speaking

 

Como aprender inglês sozinho e praticar o speaking em casa? Uma boa técnica seria gravar a sua própria voz lendo um diálogo, por exemplo. Dessa forma, você conseguirá prestar atenção na pronúncia das palavras e na entoação das frases.

 

Se você tiver acesso a um bom dicionário online, como o Cambridge Dictionary, é possível ouvir a pronúncia de uma determinada palavra. Com a gravação em mãos, fica mais fácil identificar se os sons estão sendo ditos da melhor maneira possível.


Writing

 

Da mesma forma que é necessário selecionar o tipo de texto que iremos ler para identificar se ele contém informações que podemos compreender, é importante nos atentarmos aos diferentes gêneros textuais para escrever com mais desenvoltura desde o início.

 

Dessa maneira, recomenda-se iniciar o processo de escrita com tipos de texto próximos da sua realidade. Se, por exemplo, você troca muitos e-mails no seu local de trabalho, esse pode ser um ótimo ponto de partida. Observe um modelo e retire dele algumas frases chave (expressões para iniciar ou encerrar a mensagem, para introduzir um pedido ou mesmo agradecer). Escreva um texto acompanhando essa mesma estrutura (comece e termine as frases com palavras parecidas) e, aos poucos, vá acrescentando outras informações.

 

Assim, você terá um repertório de tipos de texto e palavras/expressões-chave que poderão ser utilizados sempre que precisar. Lembre-se: com disciplina, foco e orientação, seus objetivos podem ser alcançados.

 

 

Como aprender inglês sozinho 

 

Cronograma de estudos de inglês

 
Vamos montar um pequeno roteiro para estudar inglês sozinho. Esse é um modelo que pode ser adaptado de acordo com a sua rotina:

 

Segunda-feira: Você pode selecionar um texto para praticar sua leitura. Além de checar a compreensão geral, crie listas de palavras novas com base no contexto dessa história.

 

Terça-feira: Coloque em prática as estratégias de listening (escuta). Escolha um áudio/vídeo ou música, anote expressões, treine a pronúncia e compare com o áudio original.

 

Quarta-feira: Alguma estrutura que surgiu, seja no texto de segunda ou no áudio de terça, pode ser aprofundado no estudo da gramática. Escreva frases que sigam o mesmo modelo.

 

Quinta-feira: Aqui, você pode escrever pequenos textos com as técnicas apresentadas na seção de writing. Nesse ponto, é importante frisar: um bom texto sempre precisa de revisão e, às vezes, reescrita. Aproveite para entender um pouco mais das expressões que você utilizou.

 

Sexta-feira: Hora de falar! Escolha um diálogo ou crie frases que estejam conectadas com os tópicos da semana para praticar o seu speaking. Grave a sua voz lendo e treine diferentes entonações (como em perguntas, por exemplo).

 

Sábado: Revise alguma estratégia ou ponto da semana. Você também pode usar esse momento para assistir sua série preferida com legendas em inglês ou cantar aquela música que não sai da sua cabeça. Que tal? 

 

Não é tão difícil aprender a como estudar inglês sozinho. Com um bom planejamento, organização e bastante determinação você vai conseguir ver resultados em pouco tempo. Quer ficar ligado em mais dicas de inglês? Acompanhe a gente nas redes sociais

Quer saber mais sobre nossos cursos?

Quer saber mais sobre nossos cursos?


Home >

Conheça o Instituto

em um dos cursos?

Agende sua reunião gratuita!




X

Conheça o Instituto

Agende sua reunião gratuita!
Agendar minha reunião
LIGUE GRATIS
Grande São PauloLIGUE GRATIS
Demais localidadesLIGUE GRATIS
X
CONTATO

Resgate seu cupom




*Curso Smart Learning 12 meses

X
whatsapp icon