O ESPANHOL COMO DIFERENCIAL NA CARREIRA

contact us



O espanhol como diferencial na carreira

 

Ser bilíngue é um sonho que pode parecer distante. Poucos brasileiros podem se considerar dessa forma. E o inglês, a menina dos olhos do mundo corporativo e acadêmico, é quem recebe a maior parte das atenções quando falamos de línguas. E no espanhol, é comum que muita gente nem pense. Mas ele é muito importante por duas razões principais: ele pode levar a uma compreensão melhor de outros idiomas (como o inglês) e fazer a sua carreira se expandir enormemente.

Então vamos ver como isso é possível.

 

A terceira língua é mais fácil do que a segunda

Todos os poliglotas concordarão com essa frase. Quando aprendemos uma segunda língua, fazemos conexões novas e muitas coisas parecem simplesmente não fazerem sentido. Até que um estalo ou um processo longo levem ao domínio de um tema gramatical, por exemplo. Fato é que a terceira língua, portanto, já terá um caminho mental mais delineado e será compreendida com mais rapidez pelo aluno.

Por isso, o espanhol pode ser uma ótima pedida para quem tem dificuldade de aprender o inglês. Talvez dominar o espanhol, uma língua mais próxima ao português, poderá despertar o poliglota adormecido em você.

É muito importante não cair no erro de se considerar falante do espanhol porque você “até que entende bem”. São línguas diferentes e ponto. Se você tem dúvida, assista um filme argentino, mexicano ou espanhol sem legendas e veja o quanto você entende. E o portunhol muitas vezes mais atrapalha do que ajuda, logo deve ser esquecido. Encarar o desafio com seriedade é o certo a se fazer para poder usufruir livremente dos benefícios de ser fluente em espanhol.

Vamos conhecer alguns importante motivos para ser um hispanofalante de primeira!

 

Fatos sobre o espanhol

Se contarmos apenas os falantes L1 (de língua nativa), o espanhol é a segunda língua mais falada no mundo, com mais de 460 milhões de falantes nativos em 21 países. O inglês tem cerca de 380 milhões e o português, pouco mais de 220 milhões. Ou seja, há mais do que o dobro de nativos em espanhol do que em português!

Muitas dessas pessoas estão em um dos muitos países de língua espanhola com os quais o Brasil faz fronteira. Temos relações comerciais importantes com toda a América Latina, com destaque para a Argentina, o quarto país com quem mais fazemos comércio.

Apenas 5% da população brasileira fala um segundo idioma. Não é à toa que essa é uma habilidade muito impactante para se ter no currículo. E é muito comum encontrar frases como “fluência em espanhol será considerado um diferencial” nas pesquisas de vagas na internet.

 

Facilidades

Como se é de esperar, a proximidade do português com o espanhol facilita o aprendizado. As duas línguas têm origem no Latim de Roma, que dominou a península ibérica por séculos. E essa facilidade pode levar a outras, muito atraentes.

Por exemplo, as viagens e cursos internacionais em países latino-americanos ou na Espanha podem sair a custos mais baixos do que para países de língua inglesa. Uma experiência internacional é algo atraente para as empresas – demonstra que você tem conhecimentos culturais em nível internacional e boas habilidades de comunicação.

E há ótimas opções profissionais e acadêmicas em países do Mercosul, por exemplo. Às vezes nossos vizinhos mais próximos oferecem exatamente aquilo que precisamos sem muita dor de cabeça…

 

Cursos

Fazer um bom curso de espanhol não precisa envolver uma sala de aula com um monte de gente, horários inflexíveis e materiais generalistas demais. Há hoje uma série de opções que podem se conectar muito melhor às suas necessidades.

No Instituto Mindset, você poderá determinar os melhores horários, a carga horária, os temas da aula, etc. Isso significa um curso mais voltado às suas aspirações pessoais e profissionais. Pode-se optar por um espanhol mais específico para turismo na Espanha ou ligado à engenharia, advocacia, ou qualquer outra profissão.

Além disso, há também a certificação internacional. A mais famosa delas, a DELE (Diploma de Español como Lengua Extranjera), emitida pela Universidad de Salamanca, na Espanha, é por si só um diferencial. Para quem já conhece a língua em um bom nível, pode ser uma ótima ideia fazer um curso específico para a obtenção dessa certificação.

 

Como aprimorar o espanhol

Para aqueles que já se deram conta da importância do espanhol como diferencial na carreira, há alguns hábitos muito úteis para aprimorar o idioma. Um dele com certeza é ter intimidade com o jornalismo. Isso é porque o jornalismo apresenta uma pronúncia estandardizada da língua em cada país, tornando-a livre de maneirismos e de gramática e vocabulário inapropriados.

Você pode potencializar esse hábito procurando publicações específicas da sua área em espanhol. A página de economia do jornal argentino La Nación, por exemplo, seguramente conterá muita informação útil para quem é do mundo dos negócios.

Mas você também pode explorar o cinema, as séries, a música, tudo o que for da cultura dos países de língua espanhola mais interessantes para você.

 

Não perca mais tempo. Entre em contato com o Instituto Mindset e veja como podemos te ajudar a obter a tão sonhada condição de bilíngue – ou até de trilíngue. Venha conhecer o que o Instituto Mindset pode fazer por você e por sua carreira.

Quer saber mais sobre nossos cursos?

Quer saber mais sobre nossos cursos?



Home >

Conheça o Instituto

em um dos cursos?

Agende sua reunião gratuita!






X

Conheça o Instituto

Agende sua reunião gratuita!
Agendar minha reunião
Teste seu inglês!
Venha testar seu nível de inglês
Saiba mais! X