LITERATURA: A LÍNGUA INGLESA NUM PASSE DE MÁGICA

contact us



A história da leitura é uma gloriosa saga do progresso das civilizações ao longo dos séculos. Houve tempos em que ler era uma atividade completamente inacessível para a vasta maioria das populações do mundo, com exceção das elites. Mas nunca se leu tanto quanto hoje em todo o mundo. Na palma da mão, o celular concentra uma quantidade infinita de meios de leitura de todas as espécies: desde uma mensagem de Whatsapp com emoticons até e-books de todos os tipos. E em praticamente qualquer idioma. Por que não tirar proveito dessa facilidade para aprender de inglês de um jeito mágico – pela literatura.
 
Neste texto, vamos te contar como, independentemente do seu nível de inglês, você pode apreciar um pouco da imaginação contida em obras clássicas e encantadoras.
 

O nível básico

 
Nas grandes livrarias brasileiras, é possível fazer algo realmente incrível – adquirir livros de literatura em inglês com linguagem acessível ao nível básico. Isso porque algumas editoras tiveram a brilhante ideia de simplificar o texto original, republicando clássicos em diferentes níveis de dificuldade.
 
Os alunos do Instituto Mindset, por exemplo, tem acesso a várias obras em inglês separadas em três níveis de dificuldade por meio do seu sistema de ensino digital. Uma vantagem suprema desse sistema: o aluno também pode ouvir o livro todo e até clicar em frases individuais para conferir melhor a pronúncia.
 
O exemplo a seguir foi retirado do livro As Viagens de Gulliver, de Jonathan Swift:
 
“The small man runs along my arm and jumps onto the ground. I break the ropes on my arm and hair. Then I move my head. Small arrows hit my face and body. There are hundreds of small men near me. They’re shooting arrows at me.”
 
(“O homem pequeno corre pelo meu braço e pula no chão. Eu rompo as cordas no meu braço e cabelo. Então eu movo a minha cabeça. Pequenas flechas atingem minha face e corpo. Há centenas de homenzinhos perto de mim. Eles estão atirando flechas em mim”).
 
Podemos notar como a linguagem é de fácil acesso. Os verbos estão todos no presente simples e contínuo e o vocabulário não apresenta grandes surpresas. Um aluno de nível básico pode, portanto, aumentar seu vocabulário e consolidar com mais agilidade os conteúdos do nível básico. Isso tudo enquanto se diverte com as aventuras de um gigante em uma terra de homens minúsculos.
 
Já no nível seguinte…
 

O nível intermediário

 
Os elementos gramaticais e de vocabulário vão ficando mais complexos conforme os alunos se aventuram por publicações do nível intermediário.
 
Vejamos um excerto de Drácula, de Bram Stoker:
 
“When Arthur arrived, Lucy woke and called him, ‘Come and kiss me, Arthur.’ Arthur bent down to kiss her, but Van Helsing pulled him sharply away. Lucy’s beautiful face suddenly had a cold, angry look. Her teeth snapped together sharply. A few minutes later, she was dead. 
 
John Seward turned to Van Helsing and said, ‘It is over at last. Now she will have some peace’.
 
‘No’, said Van Helsing, ‘it is only the beginning’.
 
Dr. Seward did not understand Van Helsing.”
 
(“Quando Arthur chegou, Lucy acordou e o chamou, ‘Venha me beijar, Arthur.’ Arthur se abaixou para beijá-la, mas Van Helsing o afastou prontamente. A bela face de Lucy de repente tinha um olhar sombrio e raivoso. Seus dentes bateram rapidamente. Alguns minutos depois, ela estava morta.
 
John Seward virou-se para Van Helsing e disse, ‘Acabou, enfim. Agora ela finalmente terá um pouco de paz.
 
‘Não’, disse Van Helsing. ‘está apenas começando’.
 
O Dr. Seward não entendeu Van Helsing.
 
Para além do triste relato de uma bela jovem se transformando em uma vampira, temos no trecho importantes elementos como:
 
– verbos regulares e irregulares no passado (arrived; pulled; woke; bent)
 
adjetivos diversos (beautiful; cold; angry)
 
– advérbios (sharply; suddenly)
 
E tudo isso vai colaborar com a evolução das suas próprias habilidades em inglês.
 

Avançado e além…

 
Um aluno com o nível intermediário mais consolidado poderá seguramente se aventurar pelos livros do terceiro nível, que se aproximam muito mais do texto original.
 
Por exemplo, em Orgulho e Preconceito, de Jane Austen, temos o seguinte trecho:
 
“Elizabeth didn’t think that Miss Bingley was nice and charming. She thought she was vain and arrogant. Elizabeth was much more critical of others and saw their characters move more clearly than Jane. Sometimes she had to warn her sister about people. ‘Jane, you always think the best of people,’ said Elizabeth. ‘I’ve never heard you say a bad thing word about anyone. I think you should be careful with Mr. Bingley’s sister.’”
 
(“Elizabeth não achava que a Senhorita Bingley era agradável e charmosa. Ela achava que ela era fútil e arrogante. Elizabeth era muito mais crítica aos outros e via suas personalidades moverem-se mais claramente que Jane. Às vezes ela tinha que avisar sua irmã sobre as pessoas. ‘Eu nunca vi você dizer uma palavra ruim sobre ninguém. Eu acho que você deveria ter cuidado com a irmã do Sr. Bingley’”.)
 
Alguns elementos, como a presença do present perfect (I’ve never heard…) demonstram uma linguagem um pouco mais rebuscada do que no nível anterior. Mas nada que um estudante intermediário não consiga decifrar.
 
Por fim, a leitura é sem dúvidas é uma porta para mundos de sonhos, entretenimento e educação. Com pouco esforço, você também será capaz de elevar o seu inglês a novas alturas. E chegar aos textos originais naturalmente.
 
Ah, e os trechos acima foram todos retirados do material digital do Instituto Mindset! Então venha conhecer o que mais o Instituto Mindset pode fazer por você!

Quer saber mais sobre nossos cursos?

Quer saber mais sobre nossos cursos?



Home >

Conheça o Instituto

em um dos cursos?

Agende sua reunião gratuita!






X

Conheça o Instituto

Agende sua reunião gratuita!
Agendar minha reunião
Teste seu inglês!
Venha testar seu nível de inglês
Saiba mais! X