Business English: Expressões usadas no mundo dos negócios

contact us



15 de agosto de 2017

 

O business English, ou inglês para negócio, diz respeito àquelas expressões comumente usadas por diversos profissionais em suas áreas de atuação. Apesar de poderem variar de acordo com o ramo, há algumas mais usuais e que são ouvidas com frequência durante reuniões e encontros corporativos.

 

Neste artigo, serão listadas as mais comuns e que devem estar na ponta da língua dos profissionais. Mas isso não descarta a necessidade de pesquisar com atenção os termos ligados diretamente a áreas específicas. Afinal, um profissional que trabalha com moda deverá conhecer palavras diferentes de outro que atua em uma firma de engenharia, por exemplo.

 

TERMOS COMERCIAIS EM INGLÊS – UM DIFERENCIAL NO MERCADO DE TRABALHO

 

Para tornar a lista mais inteligível, mostraremos primeiramente algumas das palavras mais usadas e, em seguida, as frases mais frequentes. Porém, vale lembrar que isso não implica em uma ordem de importância, apenas optamos por esse método para facilitar a compreensão:

  • Available – Disponível

 

Um exemplo de como utilizar esse termo seria “The financial resources are available for this action” (Os recursos financeiros estão disponíveis para essa ação). Também pode ser usado para pessoas e situações;

  • Budget – Provisão, despesa

 

Muito usado em reuniões estratégicas e que discutem sobre as finanças da empresa, essa palavra, no campo semântico de termos de negócios em inglês, significa o orçamento que a empresa destina às ações de marketing, vendas e ampliação de sua atuação;

  • Coach – ensinar, treinar

 

Se usada como verbo, a palavra carrega as acepções descritas acima. Mas o Coach também é aquele que desenvolve e descobre os talentos dos profissionais da equipe, motivando-os e proporcionando maior crescimento dentro da empresa;

  • Empowerment – “empoderamento”

 

O empowerment descreve a ação de estimular a maior participação dos funcionários na empresa, de forma a descentralizar o poder e dar aos colaboradores maior participação e autonomia nas tomadas de decisão realizadas;

  • Labor – mão-de-obra

 

Se usado como adjetivo, a palavra labor tem sentido de “trabalhista” e se usado como substantivo, tem o sentido descrito acima. Vale lembrar que para funcionários há um termo específico “Staff”;

  • Lead

 

A palavra lead, se traduzida literalmente, pode significar “liderança, guia”. Porém, no mundo corporativo, ela ganha um sentido muito diferente e pode indicar um “cliente em potencial”, ou seja, alguém interessado nos produtos e serviços da empresa e que deverá ser atingido por meio das ações de marketing por ela conduzidas;

  • Mailing – Mala direta

 

O mailing diz respeito à lista de contatos do cliente. O termo mala direta, ou seja, envio de correspondências via e-mail ou correio, também se aplica, mas o termo é mais geral e pode ser usado para quaisquer listas que possuam clientes potenciais e reais de uma empresa;

  • Minutes

 

Essa é uma pegadinha, se usada no singular “minute” significa “minuto” (medida de tempo), porém se usada no plural pode indicar a ata (ou minuta) de uma reunião ou de um encontro comercial. Por isso, é preciso se atentar ao contexto de utilização da palavra;

  • Outplacement – Realocação

 

Quando um profissional é realocado de uma empresa para outra, tendo em vista seu crescimento ou adequação do cargo às suas expectativas, objetivos e experiências, dá-se o nome de outplacement a essa ação;

  • Outsource – Terceirização

 

A palavra outsource só possui essa acepção e é cada vez mais comum no mundo dos negócios, pois a terceirização é uma ação adotada por diversas empresas dentro e fora do Brasil. Por isso, o termo deve estar na ponta da língua (variação: outsourcing);

  • Turnover – Movimentação, circulação

 

Trata-se de um termo muito usado nas áreas de gestão e recursos humanos e diz respeito à entrada e saída de funcionários de uma empresa. Em português, a palavra mais comumente usada para se referir a isso é “rotatividade”;

  • Go down swinging

 

Essa frase pode ser traduzida como “continuar tentando até o fim”, sendo muito usada por gestores e equipes de marketing empenhadas em obter sucesso em suas ações e campanhas. Também pode ser usada em reuniões para motivar os funcionários;

  • Joint Venture

 

Trata-se de uma reunião entre duas ou mais empresas que, visando o lucro, atuarão em conjunto durante um período determinado e com finalidades específicas e comuns. Essa, porém, não é uma união definitiva, mas temporária;

  • Market Share

 

Significa o percentual de participação de uma determinada empresa no mercado de trabalho. Atualmente, é comum ouvir expressões como “tal empresa possui alto marketing share”, o que implica que ela atua e participa de maneira ativa e relevante em determinado ramo do mercado profissional;

  • NDA – Nondisclosure agreement ou, ainda, non-disclosure agreement

 

O NDA diz respeito a um contrato de confidencialidade que pode ser realizado entre diferentes partes. Não confundir com o acrônimo “nenhuma das anteriores”, esse seria um erro grosseiro e que denuncia a inépcia do colaborador. É preciso estar atento;

  • Raise the bar

 

Muito usada em reuniões estratégicas, a expressão pode ser traduzida como “aumentar o nível” ou “superar as expectativas” tanto nas relações internas (funcionários e empresa) quanto externas (empresas e empresas ou empresas e clientes).

 

Claro que há ainda outras expressões usadas com frequência no mundo dos negócios. Aqui, listamos as mais usuais e que não podem faltar no vocabulário dos mais renomados profissionais, pois é preciso estar sempre antenado às novidades para não fazer feio e se expressar com maestria e fluência.

Quer saber mais sobre nossos cursos?

Quer saber mais sobre nossos cursos?



Home >

Conheça o Instituto

em um dos cursos?

Agende sua reunião gratuita!






X

Conheça o Instituto

Agende sua reunião gratuita!
Agendar minha reunião
Teste seu inglês!
Venha testar seu nível de inglês
Saiba mais! X